Foz Águas 5 : INSCRIÇÕES ABERTAS PARA OFICINAS DE ARTICULAÇÃO COMUNITÁRIA

Inscrições Abertas. Curso Gratuito.

Articulação Comunitária para Moradores de Realengo com certificado da UNESCO.Somente 25 vagas. Inscreva-se www.fozaguas5.com.br

Como parte do projeto Encontros para uma Zona Oeste Sustentável, em parceria

Divulgação

Divulgação

com a UNESCO, a Foz Águas 5 realizará oficinas de Articulação Comunitária na Estação de Tratamento de Esgoto Constantino Arruda Pessôa, em Deodoro. As oficinas para os moradores de todo Realengo iniciam-se no dia 12 de setembro e têm inscrição gratuita com direto a certificado da UNESCO para todos os participantes. Os interessados devem preencher a ficha de inscrição para concorrer a uma vaga. Vagas são limitadas a 25 participantes. Inscrições até 03 de setembro. 

Acesse o link http://www.fozaguas5.com.br/zonaoestesustentavel/ e faça já sua

Uma vez que o acesso aos serviços de saneamento básico é entendido como direito fundamental coletivo e individual, as percepções vividas pelos participantes serão o ponto de partida para a compreensão dos problemas relacionados à falta de saneamento e sua

consequência na interação com o meio ambiente. Assim, o objetivo das oficinas é apresentar aos participantes ferramentas e instrumentos de organização e mobilização comunitária, tendo como prática final a elaboração e a execução de uma campanha local para incentivar a comunidade a se conectar a rede de esgoto.

As inscrições estão abertas até o dia 5 de agosto para a 1° turma e as vagas são limitadas. Inscreva-se: www.fozaguas5.com.br

Mais informações pelo e-mail comunicacao@fozaguas5.com.br.

Inauguração Clínica Família Armando Palhares Aguinaga

A Secretaria Municipal de Saúde inaugurou na presença do Prefeito Eduardo Paes nesta terça-feira, dia 13 de agosto, a Clínica da Família Armando Palhares Aguinaga, em Realengo. A unidade é a 71ª da cidade, fica na Av. Santa Cruz, s/nº, e beneficiará 17,2 mil moradores da área. Com a abertura da clínica, a cobertura de saúde da família na região da AP 5.1, que engloba os bairros de Bangu, Realengo, Padre Miguel e adjacências, chega a 41%. Em 2008, a cobertura era de apenas 4,6%. Em toda a cidade, 41% dos cariocas são cobertos pela estratégia de saúde da família.

Esta é a 31ª Clínica da Família da Zona Oeste e recebeu investimentos de R$ 4 milhões. A unidade contará com cinco equipes de saúde da família. Cada equipe fará, em média, 400 consultas médicas por mês, totalizando duas mil consultas mensais, além dos demais procedimentos, serviços e consultas de enfermagem e dos agentes de saúde.

Mais de 50 profissionais, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, cirurgiões-dentistas e auxiliares, trabalharão na unidade. No local, os pacientes vão passar por procedimentos ambulatoriais e consultas com médicos, equipe de enfermagem e agentes de saúde. Será possível, também, realizar exames laboratoriais, ultrassonografia, raios-x, eletrocardiograma, curativos, vacinação, planejamento familiar e teste do pezinho. A unidade contará ainda com acompanhamento de pré-natal e doenças crônicas e distribuição de medicamentos.

A clínica da família funcionará de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, e aos sábados, das 8 às 12h. A unidade terá consultórios, salas de saúde da mulher, de acolhimento mãe-bebê, saúde da criança, saúde bucal, observação clínica, procedimentos, hipertensão e diabetes, além de auditório, farmácia e almoxarifado.

Atendimento Seletivo nas UPA´s de Realengo.

 Deu no Blog Pró-Realengo

UPA Magalhaes Bastos – Jardim Novo

Atendimento Seletivo nas UPA´s de Realengo.

Parte superior do formulário

Rio 03/12/2012.

O blog Pró-Realengo tem  recebido diversas reclamações a respeito do atendimento das UPA. E com relação à do Jardim Novo que leva o nome de “Magalhães Bastos” localizada na Estrada Manoel Nogueira de Sá. Separamos estas duas reclamações que se observarmos bem tem relação uma com a outra… Parece que é feita uma triagem ou filtragem como disse a leitora, e num rápido atendimento um diagnostico é dado e liberado o paciente para que volte para casa, dizendo que não é nada grave?

UPA Magalhães Bastos – Jardim Novo.

Qual seria o critério para a avaliação dos pacientes?

Vejam duas reclamações com  menos de 15 dias uma da outra.

Em : 22/10/2012 14:26 nossa leitora Patrícia comentou no blog. : O UPA de Magalhaes precisa ser vistoriada os médicos estão se negando a atender os pacientes fiquei muito chateada, pois minha mãe é diabética e estava com a glicose 386 eu acho que vocês (sic: o blog) deveriam fiscalizar isso, pode ver que este UPA e o mais vazio pois eles já embarreiram os pacientes para não atende-los.

Em : 03/11/2012 11:22 nossa leitora Melinda comentou no blog. : Fui no dia de hoje, (03/11/2012) levar meu filho de treze anos com dor de cabeça forte e com febre alta, antes de sair de casa o mediquei com dipirona, chegando ao UPA do Jardim Novo com 37 e meio de febre, pois a dipirona estava fazendo seu efeito. A pressão foi aferida e constava 13/9. Simplesmente o enfermeiro que o atendeu disse que ele não tinha nada, que estava sem febre, mas no termômetro contava 37 e meio, graças ao meu remédio. E que só tinha um medico atendendo as pessoas que estavam internadas, e que não poderia me atender, nos dispensando a seguir. Voltei para casa com meu filho com a pressão alterada, temperatura alterada, dores. De cabeça, sem nenhum atendimento.

Espero que seu estado não piore, pois irei até os jornais denunciar esta falta de respeito com o cidadão que paga seus impostos em dia e não tem direito a ter um atendimento a um hospital com tanta referencia como diz nosso digníssimo prefeito Eduardo Paes. E encaminhei então para a Clinica  da Família que fica ao lado (sic:João Cribbin) e tive a mesma resposta da atendente, que não tinha medico para o atendimento, isso tudo ocorreu entre 08:00 e 09:00 da manha. Melhor fechar as portas!!!!!!

Aproveitamos para pedir as autoridades que informem melhor a população sobre  o processo seletivo para fazer parte do quadro de funcionários das firmas que contratam ou da Organização social (OS) que administra as UPA’s, pois são inúmeros os pedidos de informações e reclamações da dificuldade para trabalharem nas mesmas, pois mesmo tendo QP (Qualificação Profissional) para esta ou aquela profissão e ainda morando no próprio bairro deveriam ser levados em consideração. Sabemos de profissionais de outras Unidades,  que trabalham em bairros distantes??

www.pro-realengo.com.br

UPA Magalhães Bastos – Jardim Novo.

Qual seria o critério para a avaliação dos pacientes?

Vejam duas reclamações com  menos de 15 dias uma da outra.

 Em : 22/10/2012 14:26 nossa leitora Patrícia comentou no blog. : O UPA de Magalhaes precisa ser vistoriada os médicos estão se negando a atender os pacientes fiquei muito chateada, pois minha mãe é diabética e estava com a glicose 386 eu acho que vocês (sic: o blog) deveriam fiscalizar isso, pode ver que este UPA e o mais vazio pois eles já embarreiram os pacientes para não atende-los.

 Em : 03/11/2012 11:22 nossa leitora Melinda comentou no blog. : Fui no dia de hoje, (03/11/2012) levar meu filho de treze anos com dor de cabeça forte e com febre alta, antes de sair de casa o mediquei com dipirona, chegando ao UPA do Jardim Novo com 37 e meio de febre, pois a dipirona estava fazendo seu efeito. A pressão foi aferida e constava 13/9. Simplesmente o enfermeiro que o atendeu disse que ele não tinha nada, que estava sem febre, mas no termômetro contava 37 e meio, graças ao meu remédio. E que só tinha um medico atendendo as pessoas que estavam internadas, e que não poderia me atender, nos dispensando a seguir. Voltei para casa com meu filho com a pressão alterada, temperatura alterada, dores. De cabeça, sem nenhum atendimento.

   Coluna:  deu no blog…. por Luiz Fortes

Luiz Fortes morador da rua do Imperador, lado Sul - Criador e administrador do blog Pró-Realengo

Luiz Fortes morador da rua do Imperador, lado Sul – Criador e administrador do blog Pró-Realengo

 

 

 

 

 

Está postagem foi oferecida por