Alô Alô Realengo!!! Parabéns para nosso bairro!

Parabéns Realengo! Dia 20 de novembro. 202 anos …mas infelizmente não tem tido a atenção que merece. 
Conhecemos várias instituições sérias que se esforçam em fazer algo, mas são ações pontuais e descontinuadas, sem nenhum apoio oficial, reconhecemos que fica difícil para elas.

Inútil, a gente somos Inúteis.

Faz tempo que não conseguimos eleger nenhum representante do bairro em nenhuma esfera governamental. Mas damos votos a candidatos circunvizinhos que levantam claramente bandeiras de seus bairros. E além disso não honram seus eleitores como todos sabem pela mídia.
Mas vamos em frente… Que nas próximas comemorações possamos trazer uma postagem mais alto astral.

*Alô alô Realengo Aquele Abraço! *

Pró Realengo divulgações e jornal Realengo em Pauta.

Saiba mais sobre o Brasão de Realengo.
http://historia-de-realengo.blogspot.com.br/…/o-brasao-de-r…

 

Castelo Dá Trabalho (Feira de Empregos na UCB)

“Castelo Dá Trabalho” oferece 850 oportunidades de emprego

Média salarial das vagas é de R$ 1.260, seleção acontece nesta terça-feira, 03 de outubro
 
A Universidade Castelo Branco, em Realengo,  realiza uma feira de empregos nesta terça-feira (3).
Serão 850 oportunidades de trabalho para diversos cargos, como auxiliar de serviços gerais,
vigilante patrimonial, auxiliar de loja, consultor de vendas, motorista e muito mais.
 
    
 Em sua primeira edição, o projeto “Castelo Dá Trabalho“, contará com profissionais de recursos humanos de diversas empresas, entre elas Atento, BRF, Fundação Mudes, Senai, SindRio, entre outras. Serão entrevistados na ocasião candidatos de diversos níveis de escolaridade, mediante distribuição de senhas que ocorrerá entre 9h às 11h, no local. 
 
O evento conta também com vagas para Jovem Aprendiz (idades entre 16 e 24 anos), e Pessoas com Deficiência (PDCs). Para participar dos processos de seleção os interessados devem levar no dia documentos pessoais, Carteira de Trabalho e currículo atualizado.  
 
 
 
Confira relação de algumas das funções que serão selecionadas:
 
Ajudante de Armazém;
Auxiliar de Loja;
Auxiliar de Serviços Gerais – ASG;
Consultor(a) de Vedas;
Cursos de Qualificação Profissional;
Garçom;
Orientador de Tráfego – PCD;
Motorista;
Porteiro;
Prevenção de Perdas;
Promotor(a);
Vendedor(a);
Vigilante Patrimonial.
 
Serviço
Castelo Dá Trabalho
Data: 3 de outubro (terça-feira)
Horário: 9h às 12h
Local: Campus Realengo – Quadra fechada (Rua Prof. Carlos Wenceslau, nº 959).

Tribunal concede nova perícia para vítima do Massacre de Realengo

Thayane Tavares Monteiro com Xuxa Meneghel

João Tancredo, advogado da estudante Thayane Tavares Monteiro, umas vítimas que sobreviveu ao massacre na escola Tasso da Silveira, em Realengo, conseguiu reverter a decisão da juíza Fernanda Rosado de Souza, da 3ª Vara da Fazenda Pública, que havia negado o pedido de perícia para identificar todas necessidades da menina, causada pelo incidente, como a perda do movimento das pernas após ser baleada na tragédia de 7 de abril de 2011.

Segundo o advogado, a decisão do desembargador Adolpho Andrade Mello, da 9ª Câmara Cível, reformando a sentença da juíza, foi justa. A magistrada havia achado desnecessária a perícia, uma vez que caso o acordo não fosse cumprido a família poderia entrar em contato com a Prefeitura ou ir ao Juizado Especial. “Essa decisão tinha sido totalmente inaceitável, uma vez que sabemos a morosidade da nossa Justiça. As necessidades da Thayane são para agora e não para daqui a três meses ou mais”, afirmou Tancredo.

Na época do ocorrido, foi decidido que a Prefeitura ficaria responsável pelos cuidados com a estudante, mas a instituição deixou de fornecer os medicamentos e tratamentos. Por conta deste acordo não estar sendo cumprido, o advogado entrou com uma ação solicitando a perícia para, assim, cobrar o suporte do município. “A chacina em si já foi um acontecimento terrível para todos os estudantes, imagina ter que conviver com os reflexos dela por tanto tempo e ainda sem ajuda”, questiona o advogado. Segundo ele, o próximo passo será aguardar o resultado da perícia e, aí sim, reivindicar todos os direitos da vítima.

Fonte: http://paranashop.com.br/2017/05/tribunal-concede-nova-pericia-para-vitima-do-massacre-de-realengo/

 

200 anos de Realengo / 200 motivos pra te amar.

Para comemorar o aniversário dos 200 anos de Realengo a sociedade civil organizada se esforça para dar um presente a altura que o bairro merece, listamos aqui algumas delas que inclusive já começaram, e que terá seu ponto alto no dia 20 de Novembro na praça padre Miguel.200anos olharemmovimento

# Mostra Fotográfica

Reprodução

Desde sexta-feira, dia 13 de Novembro até o dia 20 os moradores podem  visitar a exposição:  Olhar em Movimento com fotos tiradas durante a caminhada pelos pontos históricos do bairro.

Local: Biblioteca digital do Colégio Pedro II – Rua Bernardo de Vasconcelos esquina com rua Dr. Lessa.

Confira a programação na página: https://www.facebook.com/circuitoitinerantedepoesia/?fref=ts

 

# CIRCUITO ITINERANTE DE POESIA

Dentro das celebrações dos 200 anos de Realengo o Circuito Itinerante de Poesia em parceria com a Universidade Castelo Branco promove mesas temáticas com foco na poesia. bethcircuito4Será no teatro da Universidade Castelo Branco – Campus Realengo. A entrada é franca. #Realengo200anos

TEMAS:
1-POESIA ENCENA – O PAPEL DA POESIA NA ESCOLA
DIA: 17/11 – 18h
PALESTRANTE: Beth Araujo ( Atriz, Arte Educadora)
CONVIDADOS: Profª Petronilha Alice Almeida Meirelles
Profª Leila Bicudo – Profº Gustavo Pinto, Profª Mônica Martins,
Profª Martha Nogueira – Diretora da Escola M. Corsino do Amarante

– RELAÇÕES RACIAIS NO ESPAÇO ESCOLAR – POESIA DE SOLANO TRINDADE – APRESENTANDO: SOLO PARA SOLANO – ATOR : CARLOS MAIA
Dia: 17/11 – 19h
PALESTRANTE: Profº Esp.Gustavo Pinto Alves da Silva (Pedagogia/História)
Convidados: Profª. Esp. Elisa Simoni da Silva ( Letras/ Jornalismo)

# A FESTA PELOS 200 ANOS na Praça Padre Miguel.

09 hs Abertura com a Banda Sinfônica da 9ª Brigada de Infantaria do Exército Brasileiro.

200anos programa

– Passeio ciclístico ( concentração na Universidade Castelo Branco ) prevista uma volta na antiga Fabrica de Cartuchos, em apoio ao Movimento: “O Realengo que Queremos” – que reivindica a implantação do PARQUE DE REALENGO VERDE, no local.

-Tradicional Ferinha de Artesanato, marca presença.

– A partir das 13hs – Exposição de Carros Antigos com o Grupo West Volks,

Bate-Bolas – Exposição da Fantasia Campêa que homenageou o bairro no Carnaval deste ano, idealizada pelo Grupo União de Realengo,

– 16hs Flash Mob organizado pela companhia “In Off” seguida de Inúmeras atrações de dança de diversas companhias de Realengo e adjacências,

 SARAU em Terras Realengas? 

O COLETIVO ARTÍSTICO-CULTURAL MARIA REALENGA

200anos Sarau3Organizará o Sarau Cultural “ A Praça é Nossa”. Com a presença de inúmeras atrações artísticas-culturais de nosso bairro.

Com a parte musical sendo coordenada por Alex Nistaldo (Misturando o Som)

Escritores de Realengo estarão apresentando seus trabalhos, e outros de fora mas que registraram nosso bairro muito bem em seus livros.

 

Desde março estamos falando neste evento, lamentavelmente não está sendo feito como sonhado, pois a falta de cooperação dos órgãos oficiais para com a sociedade civil organizada é uma coisa lamentável, uma insignificante colaboração de empresários, onde os pequenos prontamente se prontificaram a ajudar.

 Dentro da programação teremos ainda, cinema na praça! 200anos Cinegrada

A festa é nossa! A praça é nossa! Não estaremos aqui nos 300 anos, portanto vamos fazer bonito para inspirar os que organizarão a próxima!

Pró-Realengo informa: Venha e traga a família, recomendamos sua cadeira de praia, não haverá barracas com comes e bebes, somente o comercio local estará disponível, se for de seu agrado, um piquenique particular com isopor é uma boa opção, afinal somos suburbanos.

#realengo200anos  #midiasdazonaoeste

 

Domingo Aéreo 2015. Uma Festa Para Todas As Idades.

Festa_ano_passado 3

   O Museu Aeroespacial, no Campo dos Afonsos (Rio de Janeiro), em homenagem ao dia do aviador, anuncia as festividades para o Domingo Aéreo, no próximo dia 18 de outubro, das 9:30h às 15:30h.

Festa_ano_passado 8

 O evento será um grande show aéreo, com voos acrobáticos, rasantes de caças da Força Aérea, paraquedismo, demonstrações de salvamento e resgate com helicópteros, giro de motor do P-47 Thunderbolt ( Avião do Primeiro Grupo de Aviação de Caça , onde os pilotos brasileiros voaram durante a segunda Guerra Mundial, nos céus da Itália ), exposição de aeromodelismo, dentre outras atrações.

https://www.youtube.com/watch?t=1&v=9Gy4NFmTJEc

“A aviação será abordada com um viés cultural, conforme ocorre todos osFesta_ano_passado 4 Festa_ano_passado 2 Festa_ano_passado 1 anos, com o objetivo de preservarmos o legado de Santos Dumont,  Pai da Aviação, com muito entretenimento  para as famílias, projetando os trabalhos realizados pela Força Aérea”, ressalta o Coronel Denar de Carvalho Soares, Comunicação Social do Museu Aeroespacial.

Festa_ano_passado 7 Festa_ano_passado 6 Festa_ano_passado 5

Entre pousos e decolagens, atrações musicais,  barracas de alimentos, parquinhos, sorteio de brindes, stands promocionais e institucionais, visita ao interior de vários aviões, os visitantes poderão  tirar fotos e  conversar com os pilotos que participarão do evento.

A expectativa é que um público de trinta mil pessoas prestigie o evento, gratuito na área externa e com cobrança de R$ 5,00 para visitação ao interior do Museu.

No  Museu Aeroespacial, considerado o maior da Hemisfério Sul, estão exposto 100 aeronaves,  os  visitantes poderão  constatar o papel da Forças Armadas e da indústria aeronáutica na defesa e no desenvolvimento do Brasil.

serviço:  Museu Aeroespacial, no Campo dos Afonsos (Rio de Janeiro)

Av. Marechal Fontenelle, 2000 – Campo dos Afonsos – Sulacap RJ.

Dia 18 de outubro, das 9:30h às 15:30h.

 

www.musal.aer.mil.br

Justa homenagem aos Anjos de Realengo, mas o local gera controvérsias.

EXCLUSIVOO Jornal Realengo em Pauta e o Blog Pró-Realengo ouviram as mães, os moradores e o poder publico .

As mães pediram a prefeitura esta homenagem através da Associação de pais dos Anjos e a homenagem será inaugurada no dia 20 de setembro (domingo)  as 09 horas da manhã, atrás da Escola Municipal Tasso da Silveira, na praça agora chamada “Anjos da Paz” , esquina das ruas Jornalista Marques Lisboa e Almirante Clemente Pinto.

anjos vizinhos contra anjos estatua 2 anjos praça Anjos

De um lado a Associação sugere uma homenagem, do outro a prefeitura abraça a ideia, e no meio disso tudo o local não foi unanimidade entre nenhuma das partes. nem mesmo dos vizinhos que acham que a prefeitura deveria olhar para o local anteriormente, só lembrou desta praça agora.

Adriana Silveira, presidente da Associação dos Anjos de Realengo, nos faz um relato destes quatro anos de saudade junto com outras mães e parentes, a respeito da luta das mães dos Anjos de Realengo.

É uma luta desigual, mas a luta continua e contamos com o apoio da população que sempre esteve ao nosso lado, e continua mandando uma palavra de conforto uma palavra de carinho e isso tudo nos ajuda a se manter e pé, pois vivemos de altos e baixos e quando uma mãe está mais fraquinha vem outra e ajuda e vice e versa.

Hoje lutamos não mais pelos nossos filhos, mas pelos filhos de nossos amigos e vizinhos por todas as crianças de nosso país. Queremos o direito de botar nossos filhos dentro da escola e ter a certeza de que vamos voltar e pegá-los com vida, pois a situação da segurança das escolas está precária, os vigias e porteiros já foram retirados, ficaram durante três anos e agora todos já foram mandados embora, ou seja foi uma solução temporária.

A Homenagem aos Anjos, em forma de estátua.

anjos estatua 1

E nós estamos pra receber uma homenagem em forma de estátua em tamanho real aqui em Realengo, e já que Realengo está pra fazer 200 anos, que possamos receber este presente, em uma praça digna, uma praça legal, onde nossas crianças possam ir, brincar com segurança. Mas estamos sem local definido, optamos pela Praça Piraquara que é uma praça de fácil acesso a tudo, é bem visível enfim, mas estamos enfrentando o dilema que a nossa prefeitura se recusa a cobrir parte do Rio Piraquara (atualmente o rio a divide). Assim ficaria uma praça única e mais segura, como já foi feito em outro rio no mesmo bairro, portanto é viável; juntamente com uma reforma, pois como hoje está nem podemos chamar de praça e sim logradouro público, tanto as crianças quanto os 200 anos do bairro merecem uma nova praça.

Hoje a gente pede isso à prefeitura do Rio de janeiro, ou mesmo que a iniciativa privada abrace esta causa e adote a praça fazendo as reformas necessárias. E as empresas poderiam se valer de incentivos fiscais.

O Jornal Realengo em Pauta (JRP) e o blog Pró-Realengo (BPR), a convite da presidente da Associação de Pais e Amigos dos Anjos,  Srª. Adriana Silveira encontrou-se com o Chefe de Gabinete do Prefeito, Luiz Henrique David de Sanson, onde foi sugerido que uma pequena parte da Praça Piraquara fosse feita uma cobertura do Rio como foi feito no Rio Catarino, na Rua Luiza Barata, que em sua quase total extensão da rua ele é coberto e constam alguns mobiliários urbanos sobre o mesmo.

No dia 5 de março de 2015 em plena Praça Piraquara,  conversamos com o Sr. David.

anjos praça Reunião Piraquara 2 anjos praça Reunião Piraquara 3 anjos praça Reunião Piraquara

Quando chegamos, o Sr. David já estava conversando com a Srª. Adriana e outras mães.

-A Prefeitura está fazendo 70 Clinicas da Família, 130 escolas, a gente tá fazendo Transolímpica, Transoeste, tem Olimpíada, a gente está num momento de gestão… é complicado não faz sentido nenhum, cobrir um rio pra fazer uma praça dos sonhos, fazer uma praça “Maravilhosa”.

Adriana- interveio : Fazer uma praça decente…

Sr. David: A praça vai ser decente…não há a menor hipótese de se cobrir um rio…Pô, Adriana na boa, cobrir o rio pra fazer uma praça dos sonhos, uma praça maravilhosa, já tenho falando isso a um bom tempo com vocês…

Neste momento o administrador do blog Pró-Realengo, convidado pelos anjos de Realengo, dirigiu a palavra ao Sr. David, com o celular em punho, e este lhe perguntou: “Tá Gravando ? Então me avisa quando estiver me gravando?”

Neste momento o Sr. (Luiz Fortes), representando o Pro Realengo e o Jornal Realengo em Pauta, confirmou: “estou gravando, comecei agora a pouco, quer que eu apague, e recomece?”

Nós somos do blog Pró-Realengo, e do Jornal Realengo em Pauta, e a gente faz uma cobertura aqui no bairro. Ecoando as Reivindicações dos moradores e não é a nossa palavra, é sim os que os moradores externam.

RP/PR:  Praça Piraquara – Então hoje em dia nós temos duas meias praças, por que o rio corta ela ao meio, então não temos praça nenhuma e sim duas meias praças, as reivindicações delas nós achamos interessante, e vimos que isso já foi feito lá no Rio Catarino, na Rua Luiza Barata onde o rio foi transferido para a rua, pois originalmente o rio era na Rua Helianto [neste momento ele chamou um assessor chamado João e se desculpou pois infelizmente tinha que chamar quem conhecesse; [repetimos para que entendesse a conversa]

E vimos que isso já foi feito, foi mudado o curso para ele vir para a Rua Luiza Barata, e lá ele foi parcialmente coberto, passa carro de um lado, passa carro de outro e na parte central onde passa o rio atualmente, está canalizado bonitinho com alguns brinquedos, algumas partes de caixa e visita, que tinha grade (passei antes de vir para cá e constatei que sumiram. Roubado?)

O Sr. João interveio e explicou que o rio passava na verdade nos fundos das casas e a Rio Águas aprovou o desvio do rio…

Sr. David complementou: Só para te falar Luiz, não é inviabilidade técnica é demanda de recursos, então assim só para gente entender. Essa explicação toda, dada por você é pra poder mostrar pra gente que seria viável fazer uma coisa similar que foi feita lá atrás , isso é ponto pacífico a gente tem essa clareza, agora aqui agora o que não podemos permitir é que se crie a expectativa de se fazer uma cobertura do rio pra você unificar a praça é um projeto maravilhoso.

anjos rio catarino 2anjos rio catarino

Mas que hoje nós não temos condição de fazer isso.

Não é viabilidade técnica obviamente, teria de se fazer um estudo ambiental, pra poder saber…Estou aqui tomando frente sem saber se poderia ser feito ou não. Eu acredito que não teria obstáculo, que no caso e a demanda de recursos, e o que eu estou entendendo, o pleito aqui não é só da Associação Anjos de Realengo, é um pleito também dos moradores que se faça uma praça unificada, e o que eu estou colocando enquanto Poder Público, aqui é o seguinte, a gente tá fazendo uma série de investimentos na cidade, então tá num período de contenção de gastos mesmo.

Então se você me perguntasse. Ah David, quanto custaria pra fazer a cobertura do rio?

Não é uma intervenção simples, a gente não vai chegar aqui e unificar as duas praças, é uma obra pesada que vai demandar recursos, há uma expectativa enorme com isso e ao mesmo tempo se cria uma frustação a gente fala que não vai fazer, e não necessariamente o fechamento do rio é determinante para se ter uma praça bem feita.

A gente pode fazer um belo projeto, uma bela reforma unificando as duas praças. A ponte está muito feia? Beleza! A gente faz uma melhora nessa ponte, não significará que a gente precisa cobrir o rio. Só acontecerá um projeto bacana se a gente cobrir o rio? Não, não é verdade!

GEDSC DIGITAL CAMERA GEDSC DIGITAL CAMERA

RP/PR: Nesse momento intervimos dizendo que não era cobrir o rio e sim parte dele no máximo 30 metros.

David: É cobrir o rio…

RP/PR: Para nós, cobrir o rio é cobrir o rio todo, estamos falando de uma pequena parte da praça, só na parte central dela. E você está falando que não tem recurso da Rio Águas?

David: Não é questão de não ter recurso. Recurso a prefeitura tem, só que a gente é gestor, então é assim… Não estou falando que a prefeitura não tem dinheiro pra fazer essa obra, obviamente tem!

Agora você tem o orçamento familiar, você controla ele, dentro das suas prioridades.

RP/PR: Nós íamos contestar que na Praça Guilherme da Silveira (Bangu), estão construindo uma pista de Skate de Zona Sul, o projeto é o mesmo projeto da Zona Sul, maravilhoso diga-se de passagem, mas é a Secretaria de Esporte.

David: Que bom que está acontecendo um investimento desses, com padrão Zona Sul aqui na Zona Oeste. A gente tá fazendo licitação de 60 clínicas da família, 70% ou 80% delas ficarão aqui na Zona Oeste.

RP/PR: É onde vocês  tem mais votos!

David: Não é questão de mais votos. Voto é consequência, ele não é causa. A verdade é que tínhamos uma Zona Oeste abandonada e é a população da cidade do Rio de janeiro, que mais precisa  de atenção. Na Zona Sul, só precisa de manutenção ela está toda pronta.

A nossa proposta aqui como Prefeitura é fazer uma reforma legal na praça, entregar uma praça a população a comunidade. Agora sem essa cobertura do rio. Temos de jogar com a verdade, pois não vou ficar criando expectativas que a gente não vai conseguir corresponder.

Adriana Silveira: Qual é a proposta?

David: Gente uma reforma na praça e a implantação do monumento. Se não atende, a gente busca uma outra alternativa de uma praça na região. Simples.

anjos parentes 3 anjos parentesanjos parentes 2

Adriana Silveira: Não é a Associação, é a população. Não tem praça para as crianças, não tem um lugar legal pra ficar, aqui seria o ponto que  todo mundo viria.

David: Adriana, Adriana … Concordo e a praça vai existir a partir da reforma.

Tem um projeto? (Perguntou outra mãe que estava presente.)

 David: A gente elabora um projeto. É isso que a gente vai discutir agora excluindo de qualquer discussão a cobertura do rio. Ah, vamos botar uma ATI (Academia da Terceira Idade), vamos botar um Play Ground, vamos botar um balanço, vamos fazer isso, vamos fazer aquilo. A gente abre para uma discussão. Agora cabe a nós enquanto gestores é poder ter isso claro.

 

 


Vejam o vídeo com reclamações dos moradores das ruas próximas onde será colocada a homenagem. Eles são contra a escolha do local.

 


 

Independente desta polêmica toda, nós como midas voltado para o bairro e que sempre se preocupa em valorizar o bairro, vê com imenso orgulho receber obra de tão renomada artista, com prestigio internacional no ano em que o nosso bairro comemora 200 anos.

Cristina Motta  artista renomada internacionalmente é a autora da obra.

Cristina Motta- Autora da

Cristina Motta- Autora da obra

Artista plástica Christina Motta, criadora de diversas obras tais como as esculturas de Brigitte Bardot e dos pescadores no mar, em Búzios. Além disto tem trabalhos destacados, como a escultura de Juscelino Kubitschek, e a de Chico Mendes, em Rio Branco, Acre. Christina é referência no Brasil e no exterior. Tem trabalhos expostos em São Paulo (como o “Paulistano”, no Parque do Povo), na Inglaterra, nos Estados Unidos, na Holanda, no Japão e em diversas cidades brasileiras. Na cidade do Rio, são suas criações as esculturas do Tom Jobim, Cazuza, Carmem Miranda e Tim Maia .

http://www.christinamotta.com.br

#realengo200anosreal engo200

 

 

@nytimes, #nytimes , @thewashingtonpost, #thewashingtonpost, @thewallwtreetjournal, # thewallwtreetjournal, @usatoday, #usatoday @latimes, #latimes, @elpais, #elpais, #lefigaro @lefigaro @lemonde, #lemonde @theguardian, @theguardian, @thesun #thesun, @thetimes, #thetimes, @corrieredellasera, # corrieredellasera, @folhadesaopaulo, #folhadesaopaulo, #bbcbrasil, @bbcbrasil, @afp, #afp, @ebc #ebc, @ageinciajb, #agenciajb, agenciaglobo, #agenciaglobo, @bandnews, #bandnews, @cnn, #cnn @g1, #g1, @globonews, #globonews


Moradora Elogia a Comlurb.

megafone1

Megafone : simbolo do Fala Realenguense

Hoje o Fala Realenguense recebe elogios para o serviço da Comlurb.

Em especial aos garis que trabalham na Rua General Azeredo. Segue o elogio de Roseane de Souza.

Mensagem recebida:

Sou moradora de Realengo, rua Gen. Azeredo, próximo à Comunidade Ideal . Quero deixar registrada a minha satisfação e gratidão à Equipe de garis que faz a coleta de lixo em minha rua, às terças-feiras, quintas-feiras e sábados. Todos sempre solícitos, mesmo quando  chego “atrasada”, com meu lixo. Fica aqui o meu agradecimento a esses “amigos”.

Abraço fraterno a todos.

Rosane de Souza.

Nota do RP: Legal isso, pois não só tacamos pedra no serviço publico,  mas também flores…quando merecem é claro!

Assista ao trailer do documentário “Comlurb 40 anos”

Homenagem ao Dia do Gari (16 de maio)

Homenagem ao Dia do Gari (16 de maio)

Para ver o documentário completo e baixar o livro visite o site da empresa.

http://www.rio.rj.gov.br/web/comlurb

Moradores cansados do descaso das autoridades.

FALA REALENGUENSE

Lmegafone1eitora entra em contato botando a boca no trombone:

Bom dia meu nome é Laura de Almeida moro na Rua Pedro Gomes em Realengo.

Nossa rua está totalmente abandonada com um vazamento de água a mais de 3 meses já fizemos diversas reclamações na Cedae e   pedro Gomes3
ninguém verifica a água não é de esgoto

O buraco fica em frente ao número 21 da rua Pedropedro Gomes5 pedro Gomes 1Gomes e diversos carros já quebraram é a cada dia que passa o buraco
aumenta

Pedimos ajuda já que infelizmente o governo e a Cedae abandona o povo

 

Realengo 200 anos: MOBILIDADE ZERO

MOBILIDADE ZERO

689 cascadura

739 na estrada da cancela 923 ok

Desde de março os moradores da Zona Oeste ficam literalmente a pé. Com o fim das atividades de duas empresas do Consórcio Santa Cruz, 38 linhas pararam a circular. O consórcio providenciou o retorno das linhas após muita reclamação dos usuários, mas o lado mais prejudicado ficou sem suas linhas principais. Enviamos correspondência à SMTR pedindo o retorno de linhas como a 689, 926, 737, 784, 684, 923 e 370. Somente na segunda quinzena o 689 retornou, mas para nossa surpresa o trajeto foi encurtado até somente Cascadura, enquanto o preço continua o mesmo. No fim de maio retornou a linha 926. Mas muito falta além de linhas que não retornaram, como uma melhora das linhas existentes, pois o espaço entre carros é demorado.

 

Integração Zero: Cadê o 739?

 

739 no coletivo micro onibus

739 no coletivo micro onibus

739 micro onibus

739 micro onibus

A linha 739 faria a verdadeira integração do bairro de Realengo. Infelizmente isso não ocorre por descaso da AUTO VIAÇÃO BANGU e por falta de fiscalização da SMTR.

Para solucionar este problema basta atender aos pedidos dos usuários da linha que são os moradores dos sub-bairros como Batan, Jardim Novo, Barata, Além do bairro de Padre Miguel.

Confiram a troca de emails entre a redação do Realengo em Pauta e a Secretaria Municipal de Transportes.

resposta da SMTR email do realengoempauta para SMTR resposta da SMTR

 

nas fotos abaixo a reprodução de aplicativos que monitoram localização dos onibus por GPS no Rio de Janeiro.

Captura de tela 2015-05-27 13.36.01 Captura de tela 2015-05-26 11.25.36 RP14-JUNHO capa

 

Resgatamos em nosso arquivo o que a leitora Cintia Pessoa escreveu em Fala Realenguense na nossa edição nº 7.

Sou professora, artesã, nascida e criada em Realengo. Vejo as dificuldades deste lugar durante quase toda a minha vida!

Um dos grandes sofrimentos vividos aqui é a situação dos transportes… Moro no Batam, estudo na Simonsen e não existe uma condução para ir até lá! Vou até o Centro do Rio numa condução só, porém, para ir para Padre Miguel, são duas! Ou então, caminhar bastante… Mas nem preciso ir “muito” longe: sou consumidora de uma loja de artesanato que fica bem próxima da praça de Realengo e tambémRealengo em pauta - tabloide -novembro-7 edicao preciso fazer caminhadas para chegar até lá, ou seja, de Realengo até o “outro” lado de Realengo. Dependo de kombis que vivem lotadas e, quem tem RioCard, não pode fazer uso pois as mesmas não aceitam esta modalidade de pagamento. E as crianças que estudam na Nicarágua? Bem, as mães colocam os filhos em escolas públicas e pagam transporte particular para que seus filhos possam estudar. Eu acho um absurdo! Ah, e os idosos? Esquece, esquecidos totalmente!

Existe também a dificuldade para ir até Marechal Hermes, ou até mesmo a escola Rosa da Fonseca. É a mesma situação. Tanto faz, 739 ou 820, não dão lucro, não é mesmo? A prioridade não é bem estar público e sim o lucro. Solução: ou pagar o que já relatei, transporte ruim de kombis, ir para a escola de carro particular e pago ou, mudar de bairro…

O tempo não me permite falar mais, porém temos também uma deficiência em lazer, comércio, escola…

Deixo aqui um abraço esperançoso de alguém que gosta muito de viver neste bairro e que crê nas mudanças.

Cynthia Pessoa

Moradora do lado Norte

Inauguração da Clinica da Praça dos Cadetes

O Realengo em Pauta acompanhou a inauguração da Clínica de Família Faim Pedro, na Praça dos Cadetes, Realengo. O nosso jornal conversou com o atual secretário de municipal de saúde, Daniel Soranz. O solícito secretário atendeu a nossa equipe com a mesma atenção quando era subsecretário de Atenção Primária, Vigilância e Promoção da Saúde, na inauguração da Clínica da Família Armando Palhares.

CF FAIM PEDRO

Clínica de Família Faim Pedro,

Dr. Daniel Soranz

 Dr. Daniel Soranz:- Essa clínica, para a secretaria, é muito importante; é uma das maiores da cidade, e vai ajudar a desafogar o CMS de Padre Miguel. O objetivo das clínicas é a prevenção, é evitar que as pessoas fiquem doentes, através do acompanhamento pelos mesmos médicos, os mesmos enfermeiros, ao longo do tempo. Essa clínica também conta com [aparelho de] raio-X, ultrassom, academia carioca, [programa de] alimentação saudável, e programa antitabagismo. Além disso a clínica tem uma farmácia com 211 itens, e não só distribui o remédio, mas ensina a tomar a medicação. A expectativa da Secretaria de Saúde é que essa unidade possa dar um atendimento de qualidade a toda a população da região.